Economia Brasileira: Transformações Estruturais no Período de 1990-2003

Authors:

Umberto Antonio Sesso Filho – Universidade Estadual de Londrina

Rossana Lott Rodrigues – Universidade Estadual de Londrina

Antonio Carlos Moretto – Universidade Estadual de Londrina

Joaquim J.M. Guilhoto – Universidade de São Paulo

Resumo: Os objetivos do estudo foram calcular os multiplicadores de emprego, de salário líquido, de produção e os índices de ligações intersetoriais e de transformação estrutural para os setores da economia brasileira entre 1990-2003 a partir da matriz insumo-produto. Os resultados podem ser divididos em três períodos: o primeiro, 1990-1996, foi marcado pelas maiores transformações estruturais, com realocação de produção, valor agregado e emprego setorial, aumento do efeito induzido e da participação do comércio, serviços e agropecuária na produção e queda destes no número de pessoas ocupadas; o período 1997-1998 apresentou menor modificação estrutural, relativa estabilidade da participação dos setores na produção, no valor adicionado e na absorção de pessoas ocupadas; o terceiro período, 1999-2003, mostrou queda dos valores do efeito induzido dos setores, aumento da participação da agropecuária e indústria na produção e valor adicionado e redução da participação destes setores no número de pessoas ocupadas. Quanto à produtividade do trabalho, medida pelo valor adicionado por pessoa, ocorreu aumento para a agropecuária e indústria e redução para o comércio e serviços.

Download SSRN   Download IDEAS

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s